na cidade

Câmara do Seixal vai estar na Bolsa de Turismo de Lisboa com três novos projetos

Stand municipal, com o mote “Seixal, Uma Baía no Coração do Tejo", vai dar destaque à Tipografia Popular do concelho.
Conheça as novidades.

O Seixal é um concelho em crescimento, um local cada vez mais atrativo, seja pela grande variedade de eventos, pela beleza da baía, ou mesmo pela qualidade de vida e segurança. Para mostrar tudo o que o concelho tem para oferecer, a Câmara Municipal participa, novamente, na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que se realiza de 28 de fevereiro a 3 de março.

O município vai apresentar três projetos inovadores que vão chegar ao concelho nos próximos tempos. Este é um passo importante, já que a BTL é reconhecida no setor como o evento mais importante na área do turismo em Portugal.

A Câmara Municipal do Seixal, assim, vai dar a conhecer as potencialidades turísticas do nosso território e mostrar porque é que é um destino diferenciador em relação a Lisboa. Para isso, no stand municipal com o lema “Seixal, Uma Baía no Coração do Tejo”, irá ser divulgado o património histórico e natural, as atividades e serviços náuticos, a gastronomia, o alojamento, os eventos desportivos e culturais e ainda passatempos e animação. Vão ser também apresentados três projetos do concelho nesta área, nomeadamente a Marina do Seixal, a Surf City e o Hotel Mundet.

O projeto da Marina do Seixal estende-se desde o antigo cais fluvial do Seixal até à rotunda da Avenida MUD Juvenil, junto aos estaleiros da Navaltagus. Inclui a instalação de um restaurante no antigo cais fluvial, um porto com capacidade para 320 embarcações, uma zona comercial, estacionamento e ainda o Centro Náutico do Seixal e a Casa dos Pescadores. Este projeto pretende requalificar toda a zona ribeirinha e dotá-la de infraestruturas de qualidade para usufruto dos seixalenses.

O Surf City Lisbon vai localizar-se na zona de Vale de Milhaços, junto à Fábrica de Pólvora. Como o próprio nome indica, será um centro urbano em torno do surf, com um parque temático com piscina de ondas artificiais, escolas de surf e centros de treino de alto rendimento. Terá ainda um hotel, um clube de praia, um centro médico, lojas, espaços culturais, áreas de lazer, restaurantes e pubs.

Associado ao projeto, será criada uma zona urbana, um parque para atividades de lazer e desporto ao ar livre com campos de jogos, parque infantil, pumptrack e skatepark e um anfiteatro para a realização de eventos.

Já o Hotel Mundet é uma unidade hoteleira que está a ser construída no Seixal, mais precisamente no local onde um dia operou aquela que foi considerada uma das fábricas de cortiça mais importantes do mundo: a L. Mundet & Sons, que lhe dá o nome. Esta unidade, que terá em conta a memória do espaço fabril ligado à cortiça, será um quatro estrelas com estacionamento subterrâneo, business center, spa, health club, um restaurante, piscina, rooftop e bar.

A autarquia também vai marcar presença no stand conjunto da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, espaço de valorização e desenvolvimento das potencialidades turísticas dos municípios da região e na zona da BTL Cultural, evento de partilha e divulgação da cultura, onde vai destacar o Espaço Memória — Tipografia Popular do Seixal, um dos núcleos do Ecomuseu Municipal do Seixal.

Vai ainda ser apresentado, no auditório da BTL Cultural, o filme documental de Mário Sirgado sobre este espaço. No stand municipal estará ainda disponível uma pequena impressora de parafuso, que permite aos visitantes conhecer e experimentar o processo de impressão tipográfico tradicional.

Horário

Profissionais

28 e 29 de fevereiro, quarta e quinta-feira, das 10 às 19 horas.

1 de março, sexta-feira, das 10 às 23 horas.

2 de março, sábado, das 12 às 23 horas.

3 de março, domingo, das 12 às 20 horas.

Público em geral

1 de março, sexta-feira, das 17 às 23 horas.

2 de março, sábado, das 12 às 23 horas.

3 de março, domingo, das 12 às 20 horas.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA