na cidade

Raquel Antunes: “Já esgotei quase todas as séries que queria realmente ver”

A personal trainer, que mora no Seixal, respondeu ao nosso questionário para este confinamento.
A aplicação de treinos surgiu em setembro.

É o rosto da aplicação de treinos Boost Plan. Raquel Antunes sempre gostou de desporto e treina há cerca de 14 anos. Ainda assim, acabaria por se licenciar em Ciências Sociais, Mais tarde, quis seguir uma pós-graduação na área, mas o curso acabaria por não abrir. Foi o pretexto para se dedicar ao desporto mais a sério.

A personal trainer abriu um estúdio no Seixal que fez tanto sucesso que tem uma lista de espera de potenciais novos clientes. Para conseguir acompanhar de perto mais pessoas, criou uma aplicação em setembro, com várias opções de treino, quer seja para aumentar a massa muscular, perda de massa gorda ou até pós-parto. 

Agora, com o estúdio fechado, e com o foco virado para a aplicação, Raquel Antunes conta à New in Seixal que está a passar o confinamento com o namorado e os animais de estimação. O fato treino é obrigatório todos os dias, quer seja para trabalhar enquanto grava novos treinos ou até para andar por casa. 

Já não tem quase séries novas para ver e confessa que não é fã de rever filmes e séries. A personal trainer é a terceira pessoa a enfrentar o inquérito da NiS sobre este novo confinamento.

Com quem é que está a passar o confinamento?
Estou a passar este período com o meu namorado e os nossos companheiro caninos, o  Alfie e a Niki, e a minha gata Meg. 

Qual é a série de televisão que está a ver neste momento?
Já esgotei quase todas a séries que queria realmente ver. Estou neste momento a ver uma série francesa que se chama “Amor Ocasional”, que está disponível na Netflix, e um anime chamado “Neverland”.

Recomende-nos um livro que nunca devemos ler durante a pandemia.
Honestamente, não faço ideia. Se fosse o oposto já saberia dizer.

Aproveitou este período para ver algum filme clássico?
Não, eu gosto mais de ver coisas novas. É muito raro rever filmes ou até séries.

Qual é a peça de roupa que mais repetiu durante este dias?
A mesma que repito sempre: fato de treino. É a minha roupa de trabalho e durante o confinamento não é diferente.

Conte-nos o motivo da sua maior discussão familiar nesta fase?
Foi relacionada com trabalho. Eu e o meu namorado trabalhamos juntos e claro, algumas vezes temos pontos de vista diferentes. E, ainda bem. 

Depois deste confinamento, qual é a comida que nunca mais vai querer ver à frente?
Honestamente, nenhuma. A minha alimentação continua a ser exatamente a mesma de sempre. 

Tem feito algum tipo de exercício físico?
Faço todos os dias, claro. Quanto mais não seja enquanto estou a gravar novos treinos para a aplicação, Instagram ou até para o meu canal de Youtube.

Qual é o local da cidade de que tem mais saudades?
Se for em Lisboa, diria que tenho mais saudades da zona de Belém. Já no concelho do Seixal, será a Baía do Seixal.

Conte-nos aquele momento em que o tédio o levou a fazer o impensável.
Tem sido muito raro ter momentos de tédio. Na verdade, não me lembro quando foi a última vez que me senti aborrecida. 

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA