na cidade

Pista de gelo, comboio e a melhor vista do distrito. É assim a nova Aldeia Natal

Centenas de pessoas têm percorrido a Baía do Seixal para aproveitar um dos locais mais mágicos da quadra natalícia.
A casa do Pai Natal.

Não há que pensar muito para descobrir o porquê de a Aldeia Natal do Seixal ser um dos maiores bilhetes-postais do distrito de Setúbal e do País, no que toca à celebração da quadra natalícia. Neve artificial, street food, 30 bancas bancas de comércio local, carrosséis e muita animação com o Pai Natal e os duendes. Tudo isto virado diretamente para o rio Tejo e para uma paisagem de Lisboa iluminada. O cenário é quase indescritível.

Assim se percebe porque é que milhares de pessoas, todos os anos, escolhem a Aldeia Natal para viver o espírito e fazer a festa da melhor maneira possível. Nós já fomos visitar a edição deste ano — e garantimos que é deslumbrante.

As novas iluminações revitalizaram este cenário, que agora projeta luz sobre a Baía do Seixal e reconforta o nosso espírito natalício. Para isso, a Câmara Municipal do Seixal instalou bengalas doces, renas e muitas estrelas cadentes, sem contar com a atração principal da árvore de Natal gigante, são mais de 3 quilómetros de luzes.

A melhor altura para aproveitar da melhor forma este ambiente é por volta das 17h30, quando as luzes se acendem e o Pai Natal aterra por ali. E não se preocupe: os comerciantes só fecham as portas às 19 horas. Os miúdos também vão gostar especialmente da pista de gelo, que custa 5€ por cada 20 minutos; do carrossel parisiense, 2,50€; do trampolim dos duendes, 2,50€ por 3 minutos: do comboio em carril, 2,50€; dos aviões de Natal, 2,50€; da roda gigante, 5€; ou do comboio turístico, que tem entrada gratuita.

Carregue na galeria para conhecer melhor a magia de Natal que se vive na Baía do Seixal até ao dia 2 de janeiro.

Este artigo foi escrito em parceria com a Câmara Municipal do Seixal

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA