fit

Esta receita de tarte de noz não tem glúten nem refinados — mas é deliciosa

É indicada para quem tem intolerâncias ou alergias e uma opção saudável para comer entre as refeições.
Pode apontar no seu bloco de receitas.

É uma das tendências acolhidas de braços abertos por quem está a mudar de hábitos na alimentação. Remover o glúten das receitas, ora porque se sofre de intolerância — a chamada doença celíaca — ou porque simplesmente queremos optar por escolhas mais saudáveis, é uma atitude que coleciona, a cada dia que passa, mais adeptos. Por isso, já ninguém estranha quando surgem novas versões de pratos típicos, desde as refeições principais à sobremesa, que são nada mais nada menos do que gluten free.

De uma forma muito geral, o glúten é o nome dado às proteínas encontradas sobretudo em três tipos de cereais: o trigo, a cevada e o centeio. Funciona como uma cola que ajuda a manter as propriedades dos alimentos juntas. A textura é semelhante à de quando se coze massa feita de farinha de trigo.

Quer seja por intolerância ou simplesmente para trazer um lado mais saudável ao menu de sobremesas lá de casa, a New in Seixal descobriu uma receita que vai deixar todos de água na boca. Não apenas por ser livre de glúten e de refinados — o que por si só já são motivos para querer ir já a correr para a cozinha — mas também porque é uma das opções favoritas para repor os níveis de açúcar no sangue.

Falamos-lhe de uma tarde de noz que é a mais recente proposta do blogue da “Healthy Bites”. Segundo a seixalense Teresa D’Abreu, a responsável pelo projeto online, esta “não é uma tarte saudável”. É que o único doce saudável, de acordo com Teresa, é a fruta. No entanto, esta é “uma opção para quem tem restrições e quer saborear uma deliciosa tarde”, garante a blogger seixalense.

Apesar de a criadora da receita ter feito com noz, existe também a possibilidade de trocar este fruto seco por amêndoa. O processo é exatamente igual, sendo que a única coisa que muda é o alimento protagonista. 

Esta tarte de noz pode ser uma excelente opção para completar a refeição, acompanhada pelo tão abençoado café. Se preferir, pode comê-la logo pela manhã, ao pequeno-almoço junto de um copo de leite. Pela tarde, sobretudo para completar o lanche dos miúdos, esta receita também se apresenta como uma agradável, saudável (e saborosa) opção. 

Do que precisa

Massa

— Duas chávenas de farinha de amêndoa; 

— Meia chávena de amido mandioca (polvilho doce ou farinha de aratura); 

— Duas colheres de sopa de xarope de ácer; 

— Três colheres de sopa de óleo de coco (ou manteiga); 

— Um ovo (ou três colheres de sopa de água).

Cobertura

— 100 gramas de açúcar mascavado; 

— 200 mililitros de creme de coco (parte mais espessa do leite de coco); 

— Duas colheres de chá de sumo de limão; 

— 150 gramas de manteiga (ou alternativa vegetal); 

— 400 gramas de nozes partidas.

Como se faz

Num processador ou num robot de cozinha — a preferência é sua — comece por colocar todos os ingredientes. Processe até que se torne numa massa homogénea. Embrulhe numa película aderente e coloque durante 30 minutos no frigorífico. Enquanto isso aproveite para ir buscar uma tarteira. Pincele-a com manteiga ou óleo de coco e forre a tarteira com a massa reservada. Por último, leve ao forno pré-aquecido a 180 graus durante cerca de 10 minutos. Depois disto, é só juntar toda a família e deliciar-se.

De seguida, carregue na galeria para conhecer cinco receitas saudáveis (e deliciosas) da “Healthy Bites” que vai querer provar na primavera.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA