cultura

Vitor Paulo leva ao palco Adriano Correia de Oliveira em espetáculo único no Seixal

Este ano celebram-se os 80 anos de um dos cantautores mais emblemáticos do País. A data é assinalada no dia 18 de fevereiro.
A não perder.

No âmbito das comemorações dos 80 anos do nascimento de Adriano Correia de Oliveira, a Câmara Municipal do Seixal lançou o desafio ao cantor e músico Vitor Paulo, para pensar um espetáculo que homenageasse Adriano, tendo como foco a riqueza do seu repertório.

O concerto “Antes que sequem os rios” terá lugar no próximo dia 18 de fevereiro (sábado), às 21h30. Foi pensado pelo músico como um encontro de amigos em torno das palavras e da música de Correia de Oliveira. Assim, em palco estarão, além de Vitor Paulo, Maria Anadon, Filipa Pais e Carlos Alberto Moniz. O quarteto far-se-á acompanhar pelos músicos Tânia Lopes (percussão), Davide Zaccaria (violoncelo), Nuno Tavares (piano), Nuno Pinto (guitarras) e Luis Marques (baixo).

O espetáculo é de entrada livre. Mas, atenção, não basta aparecer no próprio dia. Antes disso para garantir a sua presença terá de fazer uma reserva prévia através do formulário disponível online no site da Câmara Muncipal do Seixal.

Adriano Correia de Oliveira, nascido a 9 de abril de 1942, em Avintes, no Porto, foi uma voz única da música portuguesa que, ao longo dos seus 40 anos de vida, esteve sempre do lado da liberdade, da democracia, da justiça social, sempre ao lado do povo. Adriano foi um dos autores mais marcantes da música de intervenção portuguesa e da canção de Coimbra. A sua voz ímpar distinguiu-se pelo timbre e pela clareza que, com enorme coragem, interpretou palavras de luta e resistência contra a ditadura fascista e acompanhou as muitas conquistas de Abril no período revolucionário.

Em jeito de aperitivo, recorde o tema “Erguem-se muros”, em cujo poema surge o verso que dá o mote ao espetáculo.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA