cultura

“How I Met Your Father”: a nova versão da adorada comédia está a ser uma desilusão

Hilary Duff é agora a protagonista: uma espécie de Ted Mosby feminina. O argumento segue a mesma fórmula original.
Ainda não há data para estrear em Portugal.

17 anos após a estreia de “How I Met Your Mother” (traduzida para “Foi Assim que Aconteceu”, em português), que conseguiu suceder a “Friends” como a nova grande sitcom mundial, chega a sequela “How I Met Your Father”.

Estreia nos Estados Unidos esta terça-feira, 18 de janeiro, na plataforma de streaming Hulu — que não existe em Portugal. Por enquanto, não está sequer confirmado se irá estrear por cá, mas são muitas as produções originais da Hulu que chegam às plataformas de streaming portuguesas, mais tarde ou mais cedo.

Nestes anos, a realidade mudou ligeiramente — agora o mundo dos encontros e das relações amorosas transformou-se com as aplicações e as redes sociais. Nesta nova versão da história, a protagonista é uma mulher — interpretada por Hilary Duff na grande maioria do tempo, e por Kim Cattrall na sua versão mais velha, e enquanto narradora. E houve uma notória preocupação em tornar o elenco mais diverso.

De resto, a fórmula mantém-se. Hilary Duff é Sophie, uma espécie de Ted Mosby feminina da geração seguinte. É uma romântica, alguém que acredita que um dia vai encontrar o homem que é o grande amor da sua vida. E esse dia pode ser já amanhã — por isso é que passa a vida em sucessivos primeiros encontros, à espera que um dia encontre o tal.

Se há um Ted, tem de haver uma Robin. É Jesse (Christopher Lowell), um homem bastante cético em relação ao casamento e ao romance, mas que, apesar de tudo, se deixa encantar pelo charme de Sophie. Mas nada será assim tão linear nem simples.

Outras das personagens principais são Charlie (Tom Ainsley), um britânico ingénuo (por vezes inconveniente) e doce que está a descobrir uma nova vida em Nova Iorque; Valentina (Francia Raisa), que tem uma vida amorosa aventureira; e a peculiar irmã adotada de Jesse, Ellen, de origem vietnamita (Tien Tran), que acaba de se mudar para Nova Iorque vinda de uma cidade pequena.

Tal como no primeiro episódio de “How I Met Your Mother”, a sequela — e falamos em sequela e não em remake porque existe uma ligação entre ambas as histórias — tem um pedido de casamento logo no início. O melhor amigo de Jesse, Sid (Suraj Sharma), faz a pergunta à sua namorada de longa data Hannah (Ashley Reyes), com quem tem tido uma relação à distância nos últimos tempos.

Os cenários, os risos gravados, o tipo de performances — tudo isso está bastante associado à sitcom original, diz, no geral, a crítica americana. Contudo, a produção está a ser sobretudo considerada uma desilusão, pois não consegue chegar perto da qualidade de “How I Met Your Mother”.

A maioria da imprensa especializada elogia o trabalho feito por Hilary Duff e companhia, mas alega que os diálogos e as piadas one-liner não são suficientemente boas para manter o nível ou alcançar a fasquia alta estabelecida. Além disso, seria sempre difícil criar um conjunto de personagens tão carismáticas (e com tanta química) como Ted, Robin, Marshall, Lily e Barney.

O elenco de “How I Met Your Father” inclui ainda Josh Peck, Daniel Augustin, Stony Blyden e Leighton Meester, entre outros. A série é criada por dois dos produtores de “This Is Us”, Isaac Aptaker e Elizabeth Berger

Carregue na galeria para conhecer séries que já pode ver por agora em Portugal.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA