cultura

“House of the Dragon” vai regressar ainda mais parecido com “A Guerra dos Tronos”

A garantia é dada por Matt Smith, que explica que o spin-off vai voltar à fórmula vencedora da série.
Vamos voltar a Westeros.

O que vai mudar da primeira para a segunda temporada em “House of the Dragon”? Segundo Matt Smith, um dos protagonistas, muito. O ator garante que os novos episódios, que chegam à MAX a 16 de junho,  representam o regresso à velha fórmula de “A Guerra dos Tronos”.

“Na última temporada houve muitos saltos temporais. E passámos a maior parte do tempo juntos”, conta à “Deadline”. “Desta vez, o desenrolar da história está mais próximo da fórmula inicial de ‘A Guerra dos Tronos’, onde se exploram diferentes mundos, como King’s Landing ou outro e Westeros como um todo. E entramos em áreas e zonas distintas, com diferentes famílias.”

O regresso do spin-off de “A Guerra dos Tronos” promete retomar a narrativa após os eventos catastróficos do final da primeira temporada. A série inspirada no universo de George R.R. Martin, regressa para explorar a turbulenta história da Casa Targaryen, 200 anos antes dos acontecimentos de “A Guerra dos Tronos”.

A nova temporada promete o arranque da brutal e sangrenta guerra civil que irá abater-se sobre Westeros. O elenco volta a contar com Matt Smith, Emma D’Arcy e Olivia Cooke, com a estreia de novas caras como Gayle Rankin como Alys Rivers e Simon Russell Beale como Ser Simon Strong.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA