cultura

Este sábado há um concerto de cante alentejano no Fórum Cultural do Seixal

O espetáculo de Paulo Ribeiro está integrado nas celebrações do 25 de Abril. Os bilhetes já estão à venda.
É o cantautor Paulo Ribeiro que sobe ao palco.

O cante alentejano chega ao concelho através da voz do cantautor de Beja Paulo Ribeiro. A este artista junta-se o Grupo Coral Alentejano da Associação dos Serviços Sociais dos Trabalhadores das Autarquias do Seixal num concerto a não perder já este sábado, 9 de abril, no Fórum Cultural do Seixal.

Chama-se “Ribeiro” e é o quinto trabalho que vai ser apresentado pelo artista alentejano. A partir das 21h30 sobem ao palco Paulo Ribeiro, na voz, e a acompanhá-lo estará João Vitorino, nas guitarras, Jorge Moniz, na bateria, Luís Barrigas, no piano, e João Custódio, no contrabaixo. A trupe musical traz ao Seixal o melhor do cante alentejano, com interpretações de temas originais do cantor, do cancioneiro e ainda tradicionais do estilo.

A cada música tocada, vai perceber que o trabalho produzido pelo cantor e compositor Paulo Ribeiro, além do lado musical típico do Alentejo, traz uma fusão com outras sonoridades mais urbanas. Segundo a Câmara Municipal do Seixal, este lado mais moderno tem influenciado há vários anos a música do artista alentejano.

Este concerto está inserido nas celebrações do 48.º aniversário do 25 de Abril no Seixal. Nesse seguimento, o presidente da Câmara Municipal do Seixal, Joaquim Santos, refere na mesma nota de imprensa que “as raízes do Alentejo e o cante alentejano têm lugar de destaque neste espetáculo comemorativo da Revolução de Abril que nos remete na voz para melodias tradicionais com sons inovadores e que conta com a participação do nosso Grupo Coral Alentejano”.

Os bilhetes já se encontram à venda. Para o público em geral, o ingresso tem o custo de 8€ e pode ser comprado online. Este valor, contudo, reduz para metade para jovens até aos 25 anos, reformados e funcionários das autarquias do Seixal. Mas atenção: o desconto apenas é válido para os bilhetes adquiridos fisicamente na bilheteira do Fórum Cultural do Seixal.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA