cultura

Animateatro está de volta com uma programação infantil

Até ao final de maio, o local designado para as encenações será na sede da companhia de teatro, em Amora.
A melhor animação está de volta.

O auditório do Cinema São Vicente ficou interdito no final do ano passado, devido a problemas com a estrutura do edifício. Por causa disso, a Animateatro ficou sem espaço para desenvolver a programação infantil. Porém, depois de dois meses de interregno, as peças de teatro infantil vão retomar em força.

As encenações serão feitas, até maio, na sede da companhia de teatro, em Amora. Pode já garantir o seu lugar para a peça “Momoki: uma estória-viagem ao oriente!”, representada pela teatro A Monda, de Lisboa. A lotação máxima é de 40 pessoas. A companhia sobe ao palco no dia 28 de janeiro, domingo, pelas 11 horas.

Esta peça tem uma duração de 45 minutos e é indicada para maiores de três anos. A trama passa-se no Japão e é contada através da sucessão de imagens, recuperando a antiga arte japonesa do “contador de estórias ambulante” e das estórias visuais. Um regresso ao “teatro de papel e de sombras”, através do diálogo com as ilustrações e da musicalidade da narrativa apresentada… Todos nos seus lugares? As portas do Kamishibai acabam de abrir e a viagem está prestes a começar.

Momoko, a menina pêssego, vive no Japão. Tudo o que ela deseja é que a avó lhe conte uma “estória” debaixo do grande castanheiro. No entanto, há muita coisa para preparar antes do inverno chegar e as estórias demoram a contar. Momoko é uma estória-viagem ao outro lado do mundo, contada através do Kamishibai ambulante, que nos ajuda a conhecer rituais de uma cultura milenar, com recurso a movimentos, canções e haikus sobre a natureza e as estórias que todos podemos cantar.

Já em fevereiro, a equipa da Animateatro vai apresentar a 32.ª criação infantil, intitulada de “Rotinando”. Esta peça, que será apresentada nos dias 11 e 23 fevereiro, pelas 11 horas, vai promover a rotina necessária para cuidar do bebé. Assim, este trabalho vai assentar em quatro fases essenciais da aprendizagem: o sono, a higiene, a alimentação e a brincadeira. Assim, os encenadores vão percorrer vários trilhos numa estória que não é a nossa, onde um casulo, um infante e um crescido se relacionam, mapeando a importância do ato de cuidar.

O espetáculo tem a duração de 35 minutos e é indicado para miúdos dos seis meses aos três anos. A lotação do espaço é de 40 pessoas, por isso, reserve já o seu bilhete a partir do email comunicacaoanimateatro@nullgmail.com ou do número 212 254 184. Também pode comprar o ingresso na bilheteira do espaço da Animateatro, uma hora antes do início da performance.

O valor dos bilhetes é de 5€, tanto para os adultos como para os miúdos. Deste modo, a Animateatro convida todos os pais a aproveitarem as manhãs de domingo para incutir o gosto pela cultura nos miúdos. Já que estamos a falar de tramas e representações, carregue na galeria e veja as séries mais esperadas do mês de janeiro.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA