comida

O vinho português que recebeu o maior prémio num concurso de prova cega

A Grande Reserva Branco 2019 da Quinta de Arcossó foi a concurso em Trás-os-Montes. É uma maravilha nacional.

Se não conhece, tome nota: este branco transmontano, distinguido no Concurso de Vinhos de Trás-os-Montes no final de junho, é uma obra-prima. Entre 121 amostras, a Quinta de Arcossó – Grande Reserva Branco 2019 levou a maior distinção possível — o prémio Prestígio. É uma belíssima sugestão para acompanhar as refeições do verão.

“É sempre bom sermos reconhecidos pelo nosso trabalho. Mas o maior prémio para mim são os meus clientes que ano após ano vão comprando os meus vinhos“, diz Amílcar Salgado, um dos produtores do Quinta de Arcossó. Apesar de este vinho ter nascido para acompanhar bacalhau, pode perfeitamente ser servido ao lado de outras texturas: “Tem corpo, estrutura e acidez para acompanhar também uma carne nestes dias mais quentes”.

O vinho galardoado.

O vinho provém de uma vinha da região da Ribeira de Oura. É das castas de Alvarinho (60%) e Arinto (40%). Medianamente frutado, mineral, com notas de fumo, serve-se a uma temperatura de 12ºC. Tem um teor alcoólico de 13,40%. Foram produzidas cinco mil garrafas, que estão à venda em várias garrafeiras nacionais. O preço unitário é de 19,80€.

Carregue na galeria para conhecer outras sugestões de vinhos nacionais que vale a pena investir.

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA