comida

Este mês pode experimentar o sabor Nu Bitoq por apenas 5€

O bife é de vaca e traz acompanhamentos, uma oportunidade a não perder se for fã do prato.
Eles são divinais.

Muitas são as ideologias que giram em torno do bitoque, afinal é um prato típico português. Mas será que devemos valorizá-lo e torná-lo uma atração turística ou fazê-lo de forma acessível para todos os portugueses?

Paulo Cruz, proprietário do Nu Bitoq, responde a esta pergunta de forma muito simples: “os dois”. Foi com este conceito em mente, que trouxe vários petiscos e nove tipos de bitoque que podem ser feitos com seis tipos diferentes de molhos até à zona ribeirinha da Amora.

Aqui estão os clássicos de vaca e porco, juntando-se na dieta carnívora, as opções de lombo, alcatra, frango e javali. No lado dos peixes é possível pedir atum ou salmão, sendo que o ex-libris e o mais instagramável é o bitoque de beringela, totalmente vegetariano.

Com o olhar dos estrangeiros já postos na inovação, chegou a hora de dar a conhecer a todos o verdadeiro sabor do Nu Bitoq por apenas 5€. Com a campanha “Bitoq da cá 5”, vai poder pedir uma versão reduzida do bitoque, com 120 gramas de alcatra ou frango, acompanhado com ovo batatas fritas e arroz.

Ainda pode escolher entre o molho original, feito à base de mostarda e o molho do chef, confecionado com natas e com um segredo especial da casa. A bebida é à parte, mas consegue fazer uma refeição completa por menos de 8€.

Neste momento o bitoque mais pedido é o Benedict, que leva carne com molho holandês, batata meia cana e o ovo à moda Benedict. Esta iguaria custa 12,50€ (alcatra) ou 16,50€ (lombo). Algumas novas ideias do proprietário evolvem um bitoque de canguru e outro de crocodilo, por isso fique atento, um dia estas novidades prometem surgir para “revolucionar” o prato tipicamente português.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Praça 5 de Outubro, 9
    2845-425 Amora
  • HORÁRIO
  • Terça-feira a sábado das 12h às 15h
  • Terça-feira a sábado das 19h às 23h
  • Domingo das 12h às 15h
PREÇO MÉDIO
?

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA