comida

Esqueça as argolas. Chegaram os Filipinos em forma de tablete

A nova proposta da marca foi feita com as famosas bolachas e já se encontra disponível nos supermercados.
Não há dúvidas de que as bolachas são adoradas em Portugal.

Fizeram parte da infância de muitos portuguese e estão quase sempre associadas à sua forma redonda e rechonchuda. Pois bem, isso mudou.

A Nestlé decidiu agarrar nos Filipinos e trocar-lhes a forma. Agora surgem nas prateleiras dos supermercados na tradicional forma de tablete de chocolate.

As novas tabletes já começaram a chegar aos supermercados. Custam 1,74€ e, tal como as famosas bolachas, têm biscoito por dentro e são cobertas por uma camada de chocolate branco. Cada 100 gramas destas bolachas esconde 557 calorias. 

Para acompanhar esta novidade, a Nestlé lançou ainda uma versão com caramelo e bolacha, outro de bolacha maria e outro de avelãs e caramelos. Tal como o de Filipinos, custam 1,74€.

As bolachas orifinais foram criadas há 40 anos e, naturalmente, a polémica óbvia não demorou a surgir. O nome escolhido acabaria por provocar um incidente internacional, com os habitantes das Filipinas a não acharem muita piada à coincidência, que a viram como um insulto.

Em 1999, o senador filipino Heherson Alvarez afirmou que o nome usado para as bolachas era ofensivo. “Podiam ter qualquer outra designação, mas os fabricantes decidiram usar a nossa identidade racial e agora fazem dinheiro com isto”, disse. Criticou ainda o facto de serem “escuras por fora e brancas por dentro”, algo que, afirma, é um argumento muitas vezes dito contra as pessoas das Filipinas.

O protesto foi infrutífero e as bolachas não só mantiveram o nome como a popularidade. E com o passar dos anos, a criação que originalmente se cingia ao sabor do chocolate deu origem a outros produtos.

 

 

MAIS HISTÓRIAS DO SEIXAL

AGENDA